News#07 – Rotina que funciona

Olá,

Hoje eu quero conversar com você sobre estilo de vida, hábitos diários que possibilitam viver sua melhor vida possível. Eu busco a melhor vida possível pra mim todos os dias, acredito que todo mundo precisa ter essa vontade: é uma busca cheia de desafios, mas as recompensas são proveitosas demais!

Pra começar essa reflexão, eu te pergunto: como é a qualidade do seu sono? Como você começa o seu dia? Que horário acorda? Como é a sua rotina? O que faz nos finais de semana? O que você utiliza para garantir bem-estar?

Tem bastante coisa pra se pensar, eu sei! Mas respira fundo e pensa bem, tenho certeza de que responder essas questões pra si mesmo vai te ajudar a entender melhor quem você é de verdade, porque tem a vida que tem e,  talvez o mais importante de tudo, vai poder enxergar como mudar as coisas que quer mudar.

Vou usar minha rotina como exemplo, para deixar tudo isso que estou falando mais claro. Sempre fui muito de experimentar coisas novas, testar hábitos, ver como meu corpo e minha mente se adaptam aos mais diferentes cenários. Fazendo isso com consciência e consistência, consegui acessar o poder infinito de ter uma rotina que funciona pra mim.

Antes de pensar em sono, dieta, hábitos alimentares e coisas do tipo, você precisa dar um passo pra trás e se perguntar: o que te inspira? Que sensações você gosta e quer sentir na sua vida? Que sensações te movem? Saber o que você busca é o primeiro passo para entender onde buscar. 

Quando refleti sobre isso, descobri que o que me motiva todos os dias é experienciar uma sensação de energia ilimitada. Sabe aquela sensação de disposição constante, uma energia fluida que está sempre presente? Pra mim isso é essencial, é o que eu busco todos os dias.

Sabendo disso, consegui criar uma rotina que me trouxesse essa sensação. Vários hábitos do dia a dia que ajudam a construir algo maior, duradouro, me deixando como protagonista do meu próprio bem-estar. Não dá pra esquecer isso: quem precisa ter a maior responsabilidade em buscar o que te faz bem é você mesmo.

Vou te contar um pouco mais sobre o que eu faço e como funciona para mim, espero conseguir te tocar e inspirar a encontrar um estilo de vida sustentável que faça sentido pra você. E saiba desde já: bem-estar e longevidade não se conquista copiando o estilo de vida de outra pessoa e muito menos vêm aleatoriamente. É preciso autoconhecimento, auto entendimento e muito planejamento!

Vamos lá? Boa leitura!

Eu gosto muito, mas muito, de dormir! Já tive fases bem dificultosas em relação a qualidade do meu sono, mas hoje durmo muito bem. Apesar disso, me descobri muito produtivo na madrugada também. Então olha só o hábito que criei pra aproveitar bem as duas coisas: acordo todos os dias entre 4h e 4h30 da manhã, bem cedinho mesmo. Faço um exercício de 20 minutos de respiração e determino todas as minhas intenções para o dia.

Penso no que quero fazer durante aquele dia, com qual qualidade e fluidez vou realizar meus afazeres, como quero me sentir fazendo tudo isso. Mentalizo cada ação e durmo de novo. É uma forma de obter foco, organizar meus pensamentos e caminhar em direção àquela disposição constante. E tudo isso sem deixar de lado o meu precioso sono!

Acordo de novo por volta das 7h da manhã. Começo mais 20 minutos de respiração, finalizando o exercício já dentro de um banho bem gelado! Se estou em um lugar com banheira, tomo um banho gelado na banheira e depois uma ducha também gelada. Nada de água quente! Pra mim, é um boost instantâneo de disposição e energia.

Isso sem falar dos outros benefícios que a ciência já comprovou dessa prática, como o aumento na produção de testosterona nos homens, melhoria na qualidade da circulação nos vasos capilares, alteração de como fazemos a queima de gorduras e quase instantaneamente dá uma melhora no sistema imunológico.

Depois disso, tomo um café preto e vou para a minha prática. São pelo menos 4 horas diárias de prática consistente e completamente focada de yoga. Quando não consigo fazer tudo pela manhã, termino no final do dia.

Apesar de muitas ideias imprecisas e incorretas sobre o jejum, hoje já é visto como um gerador de saúde, por nos conectar com nossa natureza ancestral. Por isso eu faço um jejum diário de em média 15 horas! Janto bem cedo e faço minha primeira refeição por volta das 14h no dia seguinte. Pelo menos 3 dias da semana, estendo esse jejum para 24h, comendo uma vez só no dia. É uma prática bem controlada e consistente, onde eu uso um estressor positivo (assim como a água fria) para gerar bem-estar, energia e disposição.

Como já falei, adoro testar coisas novas e isso se aplica também às dietas. Volta e meia descubro uma dieta nova que me chama atenção, aí eu testo ela por 6 meses, observando como me sinto e como meu corpo se comporta. Claro, faço exames regularmente para monitorar tudo com muito cuidado.

Me lembro até hoje da sensação libertadora que tive quando, com mais ou menos 20 anos de idade, fiz meu primeiro jejum de 10 dias só com água e chás. O quanto eu aprendi sobre mim, sobre meu corpo, meu funcionamento, minha mente e minhas emoções. Hoje, 30 anos depois, podemos encontrar centenas de livros e publicações científicas comprovando a eficácia dessa técnica no tratamento de inúmeras desordens crônicas, como a resistência à insulina, doenças inflamatórias e várias desordens no sistema nervoso.

Como eu falo sempre pros meus alunos, a gente não tem falta de tempo na vida, a questão é que insistimos em encher nosso tempo com coisas que não são realmente importantes. Pra poder viver como eu gosto, com disposição constante e muita energia, precisa ter uma organização de tempo bem precisa. Eu gosto de ter tempo livre pra deixar minha cabeça completamente em paz, aproveitando ao máximo as coisas que amo fazer.

Uma dessas coisas é gastronomia e vinhos. Amo sair pra comer fora, viajar e experimentar pratos novos, é uma delícia pra mim. E isso sempre vem acompanhado de um bom vinho, outra paixão minha, que já vem com um contexto emocional muito positivo. Me lembra meus queridos pais e meus melhores amigos, então acaba sendo um hábito ritualístico de união, amizade, prazer e família.

 

 

CHEGOU O FINAL DE SEMANA: O QUE ACONTECE COM A ROTINA? 

Já nos finais de semana…Sigo exatamente a mesma rotina! Veja bem, não faz nenhum sentido você criar uma vida de segunda a sexta-feira, querendo que ela seja diferente no sábado e no domingo. Precisamos de coerência e consistência. Você tem uma só vida, que vai de segunda a segunda.

Qual é a lógica em adotar uma rotina diária durante a semana, que você não quer fazer no final de semana?! Isso manda uma mensagem bem contraditória não só para o seu exterior, atingindo as pessoas ao redor; mas para o seu interior, impactando seu cérebro e cada célula do seu corpo.

É a mesma coisa que dizer que ama muito natação, mas no final de semana, que é seu momento mais íntimo de descanso e lazer, você não quer nem saber de nadar. Tá na hora de repensar! Será que você gosta mesmo?

NÃO FAÇA NADA POR ACASO 

É muito importante que absolutamente tudo que você faz seja intencional. Eu não faço nenhuma escolha aleatória na minha vida. Sempre tem uma lógica, uma ideia por trás daquela decisão, isso se aplica para qualquer coisa no meu cotidiano. Ter intenção é ter uma ação dirigida. Neurologicamente coerente. É isso que ajuda a construir uma atitude positiva, saudável e pró-ativa em relação à vida.

Entre o “tenho que fazer” e o “quero fazer”, sempre escolha a segunda opção. Faz uma diferença brutal. Se você “tem que fazer”, não faça.

Todas essas práticas não são sobre privação, são sobre priorizar o que eu gosto de fazer para obter o que eu quero ter, a curto e longo prazo. São sobre ter energia ilimitada e disposição constante, que me preenchem. Por isso volto a perguntar: quais sensações você gosta e quer sentir em sua vida? Quais sensações te movem? Responda isso e terá claro em sua mente o que precisa mudar na sua rotina pra que essas sensações sejam plenamente alcançadas.

Bom, eu espero muito que essa breve incursão na minha vida, nas minhas sensações e reflexões possam te inspirar a olhar pra si mesmo, mas olhar de verdade, em busca um estilo de vida que traga essa tão sonhada longevidade.

Pra mim, energia ilimitada e disposição me permitem trabalhar como eu quero, o quanto eu quero e ainda ter toda a disposição necessária para aproveitar meu tempo em família e com as pessoas que eu amo! Escolher viver sem disposição é escolher amar menos as pessoas que mais nos importam.

Pratique com inspiração sempre,

Francisco Kaiut

Subscribe Our Newsletter

Newsletter

Não vá embora!

Inscreva-se na nossa Newsletter e não perca as últimas novidades.